Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

SAEST realiza ação itinerante no campus de Abaetetuba UFPA

 

No período de 17 a 21 de setembro de 2018, a Superintendência de Assistência Estudantil, órgão da Reitoria da Universidade Federal do Pará, por meio de sua equipe técnica itinerante, realizou no campus de Abaetetuba ação itinerante, com várias atividades como: palestras para os alunos e professores, reuniões com a coordenação do campus e de projetos visitas domiciliares aos estudantes e atendimento especializado com assistentes sociais, pedagogas e psicólogas da SAEST.

No primeiro dia de atividade, a equipe técnica se dividiu para realizar os atendimentos individuais. Com demanda significativa para o atendimento psicoeducacional e pedagógico a psicóloga Ludmila Ventura e a pedagoga Betânia Nascimento, prestaram orientação especializada aos estudantes sobre bem-estar emocional e apoio pedagógico.

A segunda atividade da ação de itinerância, se desenvolveu com realização de uma reunião com os professores do campus de Abaetetuba sobre o funcionamento da SAEST, programas e serviços ofertados aos alunos. Na ocasião, a coordenadora de Integração da SAEST, Ana Clotildes Colares e a assistente social Antônia Santos orientaram os professores sobre os procedimentos para encaminharem as demandas dos alunos que necessitam de assistência estudantil. Além de professores, essa reunião contou com a presença de Helen Marcele, assistente social do campus.

Outra importante ação de itinerância realizada já no segundo dia, foi uma palestra direcionada aos alunos, com a temática sobre os programas, projetos e serviços ofertados pela SAEST e quais podem acessar por meio da Divisão de Assistência Estudantil (DAEST) do campus e da própria Superintendência. A pedagoga Ana Clotilde Colares e a assistente social Antônia Santos fizeram uma exposição sobre todos os auxílios, bolsas e serviços destinados aos estudantes e dirimiram as dúvidas sobre os procedimentos para a inscrição nos programas.

No terceiro dia de itinerância, no Auditório Central, os estudantes do campus reuniram-se para assistir à palestra do psicólogo e professor da Universidade da Amazônia, Manoel de Christo, com o tema “Saúde mental no ambiente acadêmico: o bem-estar psicológico e a importância das relações interpessoais na Universidade. Os estudantes demostraram bastante interesse e solicitaram mais atividades sobre o assunto. Ao final das palestras, os  alunos receberam lanche ofertados pela SAEST e pela Coordenação do campus.

Paralelos às reuniões e palestras, os atendimentos com assistente social, pedagogo e psicólogo continuavam sendo realizados. Esses atendimentos são atividades do Programa de Apoio Pedagógico (PROAP), no sentido de realizar escutas sobre as dificuldades socioeconômicas, acadêmicas e emocionais, enfrentadas pelos estudantes e que atrapalham o bom rendimento acadêmico. Esses atendimentos são fontes de dados e informações, que ajudam à DAEST do campus e a SAEST na organização de ações que venham a intervir na redução dessas dificuldades, apontadas pelos estudantes com as principais causas de retenção e evasão universitárias.

Não menos importante, a equipe itinerante também cumpriu uma extensa agenda de visitas domiciliares aos alunos que fazem parte dos programas de assistência estudantil. As assistentes sociais Lilian Araújo, Eracele Conceição, Antônia Santos e a pedagoga Ana Clotildes Colares, estiveram nos endereços de origem das famílias estiveram no endereço de origem da família dos alunos com o objetivo de perceber inloco a situação de de desproteção social do aluno e de sua família. Ao total foram realizadas 36 visitas domiciliares.

O funcionamento do Projeto de Cursos de Nivelamento da Aprendizagem (PNCA) e do Projeto PRODIGITAL: inclusão e autonomia digital/INFOCENTRO, foram pautas de reuniões com a equipe da SAEST. Sobre o PCNA, a reunião realizou-se com a presença do professor Osvaldo Barros, coordenador do projeto e os bolsistas, que avaliaram o projeto como uma ação de muito crescimento profissional e formação cidadã. Relativo ao PRODIGITAL, a reunião ocorreu com a presença dos técnico-administrativos Márcio Hurokawa, coordenador do projeto e Helen Marcele, assistente social do campus. Avaliaram que o PRODITAL/INFOCENTRO é uma ação de assistência estudantil muito importantes para os alunos do campus, porque atende prioritariamente àqueles que não possuem internet em casa e tampouco tem um computador. Cogitou-se também, a possibilidade de que os estudantes usuários do espaço passem receber carteirinhas como forma de identificação individual para acessarem o INFOCENTRO.

Ao final, complementando a agenda, a equipe técnica da SAEST, composta de assistentes sociais e pedagoga, direcionou-se aos municípios de Acará e Tomé Açu, polos do campus de Abaetetuba, com o objetivo de realizar exporem sobre a Política de Assistência Estudantil e cumprir agenda de visita domiciliar.

 

 

 

SAEST/UFPA

 

 

 

 

 

 

  • Publicado: Terça, 02 de Outubro de 2018, 11h09
  • Última atualização em Terça, 02 de Outubro de 2018, 11h23
  • Acessos: 302
registrado em:
Fim do conteúdo da página